terça-feira, 9 de fevereiro de 2010

Romance Gótico

Ah como eu adoro...
Aquele sabor de luxuria
O sabor do pecado que só você me proporciona...

Quando fugia das igrejas em altares tempestuosos de dor e alegria
Me refugiava na velha casa abandonada
E por baixo de minhas vestes santas
Tu entravas
Me tomando para si

O risco de sermos pegos...
Crucificados como hereges..
Me resultava em um desejo...

Meus frágeis lábios
Mal conseguiam comportar a rigidez de seu membro...
Eu ansiava pelo elixir do pecado

Nossos sons
Ecoavam pelos quatro cantos da sala-de-estar vazia...
Comportada apenas por meu véu branco,
Virginal, embaixo de nós...

Derrama dentro de mim...
O sabor quente do pecado
Escorria por entre minhas pernas santas...
E tu a suspirar profundo em meu pescoço
Como após uma fuga das tochas cristãs

Nenhum momento no céu...
Paga os prazeres de teu pecado e minha santidade unidos..

Em um lugar abandonado...



[Sammy-23/10/2009]

Um comentário:

Alessa disse...

É a primeira vez q visito o seu blog e adorei ele é lindo!
Beijo
=*